Diretor da Energisa culpa consumidores e o sol pelos altos preços nas contas de energia

Para o representante da Energisa, o uso excessivo das geladeiras, ar condicionados e ventiladores fazem subir o preços das contas

Na foto: O Diretor da empresa Energisa, Amaury Antônio Damiance

Durante uma audiência pública, que ocorreu na Câmara Municipal do município de Rondonópolis (cerca de 210 km de Cuiabá, capital de Mato Grosso) na noite do dia 1º de novembro, para debater os altos preços das contas de energia e a má qualidade dos serviços prestados pela empresa concessionária de energia elétrica de Mato Grosso, Energisa S/A, Amaury Antônio Damiance, diretor técnico e comercial da Energisa tentou convencer o público que não há nada de errado com os altos valores cobrados nas faturas.

Durante sua explanação, Amaury disse que a elevação da temperatura resulta em um aumento de até 30%, e, para ele o uso excessivo de eletrodomésticos como geladeira, ar condicionados e ventiladores são os vilões dos preços altos na fatura. Mas as explicações não convenceram as centenas de pessoas que estavam no recinto.

Quem também não gostou e ficou visivelmente contrariado foi o presidente da CPI da Energisa, o deputado estadual Elizeu Nascimento (DC), ele rebateu Damiance dizendo, “ouvi atentamente tudo que o representante da Energisa apresentou aqui e a impressão que tenho é que estão tentado convencer os mato-grossenses, que são os consumidores e o sol os culpados pelos altos preços nas contas de energia, que é normal dobrar o valor da fatura de energia do contribuinte, que é normal uma fatura de R$ 200 saltar para R$ 1.200 reais mas essa explicação é inadmissível “, refutou o parlamentar.

A audiência com duração de 5 horas, que contou com a presença dos deputados estaduais Delegado Claudinei (PSL), Thiago Silva (MDB), deputado federal José Medeiros (Podemos), vereador Oreste Miraglia, presidente da Subseção da OAB de Rondonópolis, Dr. Stalyn Pereira, do representante da Defensoria Pública de Rondonópolis, da superintendente do Procon/MT Gisela Simona, do diretor da Energia S/A, do presidente da Democracia Cristã (DC) em Rondonópolis, Sr. Pedro Higor, do pré candidato a prefeito de Rondonópolis Sr. Claudio Paisagista e de centenas de moradores da cidade, foi solicitada pelo vice-presidente da CPI, o deputado Thiago Silva em parceria com os vereadores Orestes Miraglia, Adonias Fernandes e Reginaldo Santos.

Horas antes da audiência pública em Rondonópolis, Elizeu Nascimento participou de uma audiência pública na cidade de Pedra Preta,cerca de 245 km de Cuiabá, também para promover um debate com a população local sobre os altos preços cobrados nas contas de energia elétrica e a má prestação dos serviços oferecidos pela empresa concessionária de energia elétrica de Mato Grosso, Energisa S/A.

De acordo com informações do Procon estadual, a Energisa de Mato Grosso está em primeiro lugar no ranking de reclamações, no quesito preços abusivos e má prestação de serviços. Somente de janeiro a 31 de outubro de 2019 foram 6.607 reclamações contra a empresa registradas no Procon-MT.

Apos tomar conhecimento das milhares de reclamações, através de denúncias da população mato-grossense,  e também da existência de uma petição pública de abaixo-assinado nas redes sociais, liderada pelo jovem Lucas Barroso, pedindo para ser feita uma investigação na empresa Energisa, o deputado Elizeu Nascimento apresentou no dia 08 de outubro, na Assembleia Legislativa, um requerimento para a abertura de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) com o objetivo de averiguar possíveis irregularidades, praticadas pela Energisa. No mesmo mês, (dia 23), foi definido o parlamentar como o presidente da (CPI).

“Para mim, as audiências públicas nos municípios são a oportunidade que a população tem para se manifestar sobre  assuntos que afetam a coletividade e impactam diretamente na vida dos moradores das cidades, distantes da capital de Mato Grosso, por isso faço questão de participar de todas elas”, ressalta o parlamentar.

A audiência em Pedra Preta, que aconteceu a pedido dos vereadores Vanderlei Roberto Sartori e da vereadora Iraci Ferreira de Sousa, contou com a presença dos deputados estaduais, Delegado Claudinei  (PSL), Ulysses Moraes (DC) do vereador e presidente da Câmara Municipal de Pedra Preta, Hélio de Farias, autoridades locais e da população pedra-pretense.

Por Gabriela B. Von Eye/assessoria deputado Elizeu Nascimento

Compartilhe este post!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

3 respostas

  1. Incrívelmente, senhor Amauri, usar o Sol como desculpa, é pra um péssimo gestor, o sol nunca irá ser menos quente, até mesmo se ele, o sol, parar de iluminar a terra, morremos, o planeta morrerá, fala sério!!!!! Geladeira!!?? Sério isso??? Ventilador??? Ar condicionado? Nem todos tem o ar condicionado, quem tem está a ecomizar a tempo. E só agora começou os preços abesurdo. O quê deveria ser envestigado são os postes onde estão os padrões de energias das casa, desde quando vcs da Energisa passaram fazendo revisão, aos poste a três meses, os preço das energias subiram absurdamente. Então seja competente ao dizeres palavras tão absurdas aos nossos ouvidos, o senhor está lidando com familiares quê trabalham dignamente pra sustentar suas famílias, não iremos aceitar esse tipo de explicação absurda. usando está frase pra ter quê ser eu uma mal educada. Com sua pessoa. Repúdio suas frases. O Sol, o Sol, sério isso!????

  2. Minha conta triplicou em um mês que estivemos viajando e tudo desligado. E a desconfiança é que no condominio onde moro, independente até do apto estar desocupado houve aumento no consumo. Será que esse diretor (quem é convincente com o roubo tbem é ladrão) pode me explicar?!!!!!

  3. Sério isso? La na minha casa não fica ninguém o dia todo. Somente a Geladeira ligada e o Ar Condicionado é ligado as 22:00hs depois que chegamos da Escola e desligado as 02:00hs da manhã. E a Energia vem um ABSURDO… faz favlr né.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤ por go7.site