Deputado Elizeu Nascimento propõe nomeação de papiloscopistas e técnicos em necropsia

Por falta dos profissionais, um corpo demora até três dias para ser entregue aos familiares na capital de MT

Foto: ELIEL TENORIO PEREIRA

Visando atender a reivindicação dos profissionais aprovados e a carência da população pelos serviços, o deputado estadual Elizeu Nascimento (DC), em plenário, indicou a necessidade de nomeação dos servidores papiloscopistas e técnicos em necropsia para atender as cidades de Nova Canaã do Norte, Colíder, Apiacás, Alta Floresta, Nova Monte Verde, Paranaíta e Nova Bandeirantes.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Papiloscopistas e Técnicos de Necropsia, Idejair da Conceição, a demanda por servidores da categoria é muito grande no Estado.

“Passamos por uma situação precária, são 95 Papiloscopistas e 42 Técnicos em necropsia para atender os 141 municípios de Mato Grosso. A população cuiabana conta com apenas dois Técnicos em necropsia e um Papiloscopista e eles ainda atendem a região de Várzea Grande, Barão de melgaço e Chapada dos Guimarães a falta de profissionais resulta em morosidade no atendimento.

Atualmente, um corpo demora até três dias para ser entregue aos familiares” explicou Idejair.

“Buscamos junto ao governo do estado a convocação dos aprovados e também a solução do problema causado para a população que está sendo prejudicada com essa situação, pois alem de sofrer com a dor da perda do um ente querido ainda passam pela angustia da demora na liberação do corpo”, explica o deputado.

Fonte: GABRIELA BOMDESPACHO VON EYE / Gabinete do deputado Elizeu Nascimento

Compartilhe este post!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Com muito ❤ por go7.site